São Paulo, Brasil

CNPJ: 30.682.847/0001-64

©2018 by MS Eventos. Todos os direitos reservados, proibida reprodução total ou parcial sem autorização.

Buscar
  • Marcely Souza

Busque seu lugar ao Sol


Uma mulher, cheia de sonhos e ideais, buscando uma transição de carreira, até então trabalha com seu marido na empresa de transporte de passageiros, e nos fins de semana me envolvia com o planejamento, organização e produção de eventos culturais, esportivos, sociais e contribuía ativamente em uma instituição sem fins lucrativos de forma voluntária.

Essa era eu, tinha acabado de descobrir o que me motivava, o que realmente gostava de fazer, pois queria ter prazer no trabalho que desenvolvia, voltei a estudar após 10 anos da minha formação, fui me especializar em Administração e Organização de Eventos, pois já almejada trabalhar com o nicho de mercado de eventos corporativos.

Como todo o profissional que para no tempo, me senti desatualizada.

No inicio surgiu à dificuldade em acompanhar o ritmo da sala, afinal eu era uma das mais velhas na turma, mas superei meus medos, dificuldades e conclui o curso.

Ebaaa, hora de me lançar no mercado de trabalho e projetar meu crescimento profissional. Uhuuu...

Bom, não foi bem assim, dois meses depois descobri que estava grávida, a notícia veio como um baque, não acreditava, e agora, como conseguirei trabalhar, conciliar minha vida profissional com uma criança junto, fiquei estarrecida, sem rumo, sem saber o que fazer, (confesso que só acreditei que era verdade quando ouvi o coraçãozinho bater forte no primeiro exame, realmente estava grávida), as lagrimas caiam enquanto ouvi os parabéns do doutor.

Conversando com minha mentora Dani contei minha situação e ela me acalmou, me convidou a produzir seus cursos, confesso que respirei aliviada, afinal não ficaria fora do mercado de trabalho, e lá fui eu, com meu corpo mudando a cada dia eu seguia com a produção local do curso dela e na divulgação de uma das suas palestra conheci a Adriana que precisava de alguém para ajudar na produção de eventos da sua agência.

Realizamos juntas três eventos, o último fui pro evento quase rolando, kkkk, já estava de oito meses e precisei dar uma pausa nas atividades, fiquei um mês em casa, pois o corpo já não respondia mais como antes.

Em uma tarde fria de quinta-feira, às 17h (acho que mãe nenhuma consegue esquecer o dia do nascimento do seu filho), com parto cesária (que era outra coisa que eu não queria, mas Deus sabe de tudo) nasceu minha Princesa Lays, com 3.165gr e 46 cm, ela era tão linda, tão pequena e precisava tanto de mim, que por uns dias não fui assombrada pelo medo e insegurança de não mas conseguir voltar ao mercado de trabalho.

Mas essa tranquilidade durou poucos dias, com quinze dias ela começou a ter cólica, juntando noites em claro, estava com os nervos à flor da pele, achando que nunca sairia daquela situação, que nunca alcançaria meus sonhos e objetivos, mas os dias foram passando, tentei retornar a rotina de trabalho antes do tempo e percebi que estava toda desorganizada, esquecendo coisas simples e desatenta, mas consegui parar e olhar para dentro de mim e me dar este tempo, o que foi muito bom pra mim, pra minha bebê e meu marido.

Hoje, já se passaram sete meses, minha pequena está crescendo, cheia de vida e saúde, retomei meu projeto e voltei a trabalhar com aquilo que vinda me preparando, com a organização e produção de eventos corporativos e educacionais, tenho tirado alguns projetos adormecidos do papel e assim buscado meu lugar ao sol.

E você deve estar se perguntando: O que eu tenho haver com tudo isso?

Bom na verdade comecei a escrever este artigo por algumas razões:

1) Para mostrar um pouco de quem sou, afinal sou como você que enfrenta lutas e conflitos interiores e mostrar que não devemos deixar as vozes das dúvidas ou pessoas falarem mais alto.

2) Que você pode estar vivendo um momento de recolocação profissional ou transição de carreira, mas saiba que tudo passa, as dificuldades que você enfrenta hoje servirão de amadurecimento para o profissional que você será amanhã.

3) Se você é mamãe de primeira viagem (como eu, rsrs) ou não, e ainda está se adaptando, não se cobre tanto, se dê o tempo necessário que você e sua criança precisa, um dia ela crescerá e você não deve ficar se cobrando ou tendo remorso pelo que não teve ou deixou de ter, nossa vida é curta de mais pra você ficar se remoendo, tudo acontece na hora certa, mantenha o foco do que é prioridade neste momento para você.

4) Acredite-nos seus ideais, tenha convicção do que almeja, e como chegará dependerá apenas de você, do seu esforço e trabalho duro.

5) Nunca pare de aprender, o mundo está em constante evolução, quando você para no tempo você fica para trás, então se conecte a outras pessoas, a outras ideias, a outras oportunidades e você alcançará o sucesso.

Ouvi uma frase outro dia que me fez refletir bastante, “o sucesso é relativo”, e é uma verdade, o que pode ser sucesso pra mim hoje pode não ser pra você, um exemplo claro é a dupla que almejava ser reconhecida e tocar em uma casa de espetáculo para 50 pessoas, ali é o sucesso dela, já outro pode olhar e dizer que não, que o sucesso é somente aquele famoso que faz show para 50 mil pessoas.

Lute, batalhe pelos seus ideais, mas não se perca no caminho, não inverta as prioridades da vida por coisas que amanhã poderá não te dar mais prazer, preserve sua família, seja ela seu marido, seu filho, seu pai, sua mãe ou algum ente querido, pois são eles que nós dão força e suporte nós dias difíceis.

Está é minha trajetória até aqui, e você, em qual o momento que se encontra? As vezes desabafar tira um grande peso de sobre os ombros. E se eu tivesse me fechado na bolha na minha própria vida, talvez não estivesse onde estou hoje, por isso te digo não se feche diante dos problemas e dificuldades, acredite em Deus, mas acredite em você também e siga em frente ou melhor siga em busca do seu lugar ao sol.


#empreendedorismomaterno #eventos #producaodeeventos #eventonapratica




11 visualizações